A Mãe terra grita por Agroecologia, Da Mãe Terra Esperança e resistência.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Assinada a lei que cria o Conselho Municipal de Juventude de Campina Grande.

Aconteceu na manhã desta quarta feira (8), no IPSEM em Campina Grande, a assinatura da lei que cria o Conselho Municipal de Juventude. Estiveram presentes no ato autoridades municipais e representantes de entidades juvenis. Em seu discurso o prefeito Veneziano do Rego destacou a importância deste conselho para o município e reconheceu o trabalho das entidades juvenis que a tempo tem pautado esta luta.

Lideranças juvenis comemoram a criação do Conselho Municipal de Juventude.

Lideranças das Pastorais da Juventude avaliam como positivo a criação do Conselho.

“A criação do Conselho Municipal de Juventude é resultado de todo um processo de articulação desde 2008, que as Pastorais da Juventude, desde o início estiveram motivando a criação do comitê pró-conselho, e posteriormente ajudando na organização das Conferências Municipais da Juventude”, afirmou Carlinhos Marinho, militante da Pastoral da Juventude, e um dos motivadores da criação do conselho.

A autonomia da juventude e a campanha #ConselhoDeJuventudeJáCG realizada via redes sociais também foi comentada por Carlinhos “É um passo importante pra juventude ter seu espaço de autonomia e não ser lembrada apenas em palanques políticos. A assinatura desta lei foi também estimulada pelas manifestações campanhas que promovemos pelas redes sociais, e pela mobilização das Pastorais da Juventude, Movimento LGBT, CUFFA, CENTRAC, REJU e outras inúmeras entidades juvenis do município”.

“Agora precisamos continuar mobilizando a juventude para participar do Conselho e conquistar mais políticas para o segmento no município. Direitos se conquista com mobilização” afirmou Maciel Cover, da Pastoral da Juventude Rural.

“Essa vitória aqui em Campina servirá para estimularmos os demais grupos das Pastorais da Juventude do Brasil a se mobilizarem para criação de conselhos municipais, por que botamos fé na organização juvenil” falou o Renato Moiteiro, da Pastoral da Juventude Estudantil.

Autoridades municipais reconhecendo a mobilização juvenil.

“Campina Grande é apenas a sétima cidade paraibana a ter uma lei que instituiu o conselho de juventude, temos muito pra avançar nesta luta com a juventude” afirmou Hélio Barbosa da Pastoral da Juventude do Meio Popular.

Um comentário:

  1. como faço para criar um conselho no meu municipio?

    ResponderExcluir

obrigado por participar.